Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2014

Manicada

Imagem
Luci Afonso

Minha paixão por gatos tem apresentado sintomas alarmantes: às vezes me pergunto se estou ficando, como se diz lá em Minas, manicada.
Tudo começou, é claro, com a adoção de um gato, depois de outro e mais outro — um macho e duas fêmeas, felizmente, todos castrados. Eles ocupam todos os cantos do apartamento. Sobem e descem da cama a qualquer hora, sem pedir permissão. Deitam-se de lado, de comprido, no meio, no travesseiro, o que for mais confortável. Com pena de acordá-los (quem já observou o sono sagrado dos felinos entenderá por quê), nos encolhemos no espaço restante.
Contratamos um fotógrafo profissional para clicar nossos pets o dia inteiro. Escolhidas as melhores poses, cada um ganhou um porta-retrato que faz parte das fotos de família exibidas na estante da sala.
O chaveiro da porta principal é uma gatinha prateada com gotas de strass; o da porta da cozinha, um minigatinho branco de pelúcia; o da caixa de correio, o Garfield; o do carro, uma gata estilizada com a inici…