Postagens

Mostrando postagens de Março, 2010

A palavra que salva

Imagem
Marcelo Abreu
Isolda e Gabriel Marinho fizeram da literatura o próprio caminho. A obra dele despertou interesse de um cineasta e pode virar filme.
Mãe e filho lançam hoje seus livros escritos com dor e esperança. Ele, portador da síndrome de Asperger, venceu os próprios medos, o preconceito de uma sociedade despreparada e mergulhou na literatura. Ela, poetisa de nascença, lutou desesperadamente por ele e retratou a vida com a delicadeza de quem renasce.
Aos 6 anos, Gabriel Marinho desenhava aviões. A professora chamou a mãe e lhe disse: “Seu filho só pensa nisso”. Aos 9, interessou-se por futebol. Inventava, criando desenhos, times, uniformes e campeonatos. Aos 10, ele sentiu medo. Ao ouvir um trovão, se escondia debaixo da cama. Uma tia psicóloga, irmã da mãe do menino, chamou-a e disse: “Esse medo não é normal. Procure um especialista”. A mãe não percebeu nada de errado. Aos 13 anos, uma tristeza sem razão invadiu a alma do adolescente. Isolou-se dos amigos e da família. A psicóloga da…

Tempus II

Imagem
Exposição Tempus — Debate sobre Processo Criativo Auditório do Cefor, 11/03/2010 À direita, Jean Matos (Outras fotos em Fotos & Tais)
Última semana para descobrir qual é o seu Tempus Visitas guiadas: 3216-7678

Tempus

Imagem
Luci Afonso
Tempus: Sequência soberana que o homem mede para não ser devorado. Pai e filho, deus e seguidor. Tesouro escondido pelo menino antigo no jardim da saudade. Desejo diluído em branca adolescência na imensidão do cosmos. Pulsação ininterrupta em fluxos coloridos e etéreos. Cicatrizes na face ressequida e lúcida da árvore centenária. Sussurro de poemas vazados em ventos de aço. Amarelo sempre-vivo, perpétuo, intacto. Sonho acordado em meio ao redesenho silencioso das nuvens. Lampejo na tarde fresca de junho. Presságio na lua cheia de setembro. Óleo derramado no templo. Escultor cego do arco-íris. Bálsamo para quem ainda tem o caos dentro de si. Traço azul entre delicadezas. Retorno ao ventre mais-que-perfeito. Voo ao infinito pessoal. Burburinho nas estrelas.
  (Texto produzido para a exposição Tempus, no Cefor, de 1º a 26 de março.)  (Outras fotos em Fotos & Tais, na coluna à esquerda.)

Exposição Tempus

Imagem
O Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento convida para a exposição Tempus, a ser realizada de 1º a 26 de março de 2010, no prédio do Cefor.
A mostra reúne obras que propiciam reflexão sobre o tempo, em diversas linguagens — desenho, pintura, escultura, objeto, gravura, texto, fotografia, instalação e outras, tais como videoarte e arte eletrônica. A iniciativa pretende enriquecer a percepção dos servidores e do público em geral sobre os diferentes aspectos do tempo.
Escritores, artistas plásticos e designers gráficos participam da exposição que poderá ser visitada de segunda a sexta-feira, em horário comercial.
Como já diziam os poetas, somos hóspedes de um dos deuses mais lindos. Temos o nosso próprio Tempus — o tempo que passou, todo o tempo do mundo —, mas não temos tempo a perder.
Vernissage: 1 de março, 18:30h

Mais informações: 3216-7678

Cefor – Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento da Câmara dos Deputados

Complexo Avançado da Câmara dos Deputados
Via N3 – Proj…