Quem não faz, toma



Metáforas esportivas


Boxe

Ir a nocaute - ser vencido arrasadoramente
Jogar a toalha - dar-se por vencido
Ter jogo de cintura - ter capacidade de adaptação

Sinuca

Bola da vez - centro das atenções
Sinuca de bico - impasse

Turfe

Correr por fora - buscar alternativa
Páreo duro - dificuldade
Barbada - vitória quase certa

Vôlei

Levantar a bola - favorecer

Xadrez

Xeque-mate - momento decisivo

FUTEBOL

Estar com a bola toda - ter muito prestígio ou cartaz
Pisar na bola - cometer uma falha grosseira
Dar show de bola - ter ótimo desempenho
Vestir a camisa - identificar-se com os ideais de uma instituição
Pendurar as chuteiras - aposentar-se
Jogar para o time - buscar o bem da empresa e não aparecer
Querer ganhar no tapetão - prevalecer sem razão; vencer a contenda sem fazer o embate
Estar na retranca - ser retraído, não se mostrar como se é
Fazer o meio de campo - levar aos subalternos a orientação superior
Ter cancha - ter experiência
Quem não faz, toma - fracassar por falta de iniciativa



(Revista Língua Portuguesa nº 35, setembro de 2008)

Postagens mais visitadas deste blog

Os personagens e seus nomes

Roupa de época

A escrita de uma crônica*